Categorias

Curso gratuito da USP ajuda terceira idade a identificar fake news

Da Redação
19 de Julho de 2021


Crédito: Divulgação
Curso gratuito da USP ajuda terceira idade a identificar fake news

A Universidade de São Paulo (USP) lançou uma iniciativa para ajudar a população idosa a identificar fake news. Gratuito, o curso “Fakenews: reconhecimento e atitudes para fazermos a diferença” é oferecido de forma remota pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da universidade, em São Carlos (SP).

Leia mais: Casal já resgatou mais de 12 mil cães abandonados e maltratados
10 atividades para fazer com idosos durante o isolamento

As aulas serão ministradas em uma plataforma online e acontecerão de 2 de agosto até 3 de setembro, às terças e quintas-feiras, das 15h às 17h. As atividades são destinadas a idosos a partir de 60 anos. Os participantes precisam de um smartphone com sistema Android (7.0 ou superior). Além disso, é necessário ter noções básicas sobre o uso do aparelho, que deve estar habilitado para navegar na internet.

Curso ajuda população idosa a identificar fake news 

Para assistir às aulas do curso, o interessado deve ter acesso à internet e possuir e-mail para poder efetuar a inscrição. Ela pode ser realizada até dia 30 de julho, exclusivamente pelo Sistema Apolo da USP.

Como há apenas 30 vagas disponíveis, a inscrição não garante a matrícula. Caso existam mais inscritos do que o número de vagas oferecido, será respeitada a ordem de precedência e a idade. As pessoas selecionadas serão avisadas por e-mail sobre o acesso à plataforma digital em que as atividades ocorrerão.

A proposta é promover discussões e exercícios práticos sobre estratégias para identificar fake news, com apoio de material didático fundamentado em componentes teóricos das áreas de sociologia e pedagogia. Serão oferecidos, ainda, conhecimentos para possibilitar aos idosos adotarem novos comportamentos em diversas situações, tais como: ao utilizarem aplicativos de comunicação instantânea (Whatsapp, Signal e Telegram), ao se comunicarem por meio de redes sociais (Facebook e Instagram) ou ao acessarem plataformas como YouTube e Google Search.

© 2021 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir