Categorias

Sustentabilidade: ONG cria carroças elétricas e de bambu

Da Redação
2 de Março de 2021


Crédito: Divulgação
false

Os catadores de materiais são responsáveis por coletar 90% de tudo que o Brasil recicla. Normalmente, essas pessoas utilizam carroças para armazenar e transportar o que recolhem. Em algumas ocasiões, o peso das cargas chega a 500 kg de uma só vez. Pensando na saúde desses profissionais, a ONG Pimp My Carroça criou o projeto Carroças do Futuro, que tem o objetivo de aprimorar veículos e, consequentemente, oferecer condições melhores aos trabalhadores.

Carroças do Futuro

A iniciativa Carroças do Futuro desenvolveu protótipos de carroças e triciclos elétricos com baixo custo e potencial de escalabilidade. O objetivo é criar veículos que não sejam poluentes e que sirvam como alternativa à tração humana. A ideia é promover benefícios para a qualidade de vida e saúde destes profissionais, por não sobrecarregá-los fisicamente na execução do trabalho.

A carroça elétrica, por exemplo, possui velocidade máxima de 5 km/h, motor elétrico com a função ré e itens de segurança, como freio, buzina, setas, rastreadores via GPS e farol dianteiro e traseiro. Sua capacidade de carga suporta 400 Kg. Já as baterias duram seis horas e podem ser recarregadas em uma tomada comum.

O modelo já passou por alguns testes realizados por catadores. Agora, a organização busca o apoio de novos parceiros e investidores para dar continuidade e ampliar o projeto.

Em 2020, o Carroças do Futuro também disponibilizou quatro triciclos elétricos para a utilização dos catadores e coletou feedbacks para realizar os aprimoramentos necessários. Já no início de 2021, o projeto criou uma carroça de bambu. Além de ser resistente, o material promove uma série de benefícios ecológicos, reduzindo o uso de ferro.

LEIA MAIS: CÃES RESGATADOS DAS RUAS VIRAM INFLUENCIADORES PET
VIDA SUSTENTÁVEL: 30 PERFIS NO INSTAGRAM PARA SE INSPIRAR

© 2021 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir