Categorias

3 vantagens de morar perto de áreas verdes e parques

Da Redação
5 de Julho de 2021


Crédito: Michael Burrows no Pexels
morar-perto-de-areas-verdes

A pandemia de covid-19 mudou o comportamento das pessoas, que passaram a valorizar mais suas casas, a qualidade de vida e o bem-estar. Tanto é que, em uma pesquisa encomendada pela GT Building e realizada pela Zoom Inteligência em Pesquisa, 88% dos entrevistados afirmaram que gostariam de ter um imóvel com varanda ou sacada, e indicaram a localização como um dos principais diferenciais no momento de decisão da compra. Essa adesão ocorre porque morar perto de áreas verdes e parques pode oferecer uma série de vantagens para as saúdes física e mental. Conheça três delas.

Leia mais:
Horta em casa: 5 dicas básicas para começar a sua
Amazônia: conheça e ajude ONGs que protegem a floresta

1. Diminui o risco de depressão e ansiedade

Um estudo realizado na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) com 2.584 pessoas, apontou que morar perto de áreas verdes faz com que o indivíduo tenha menor risco de desenvolver quadros crônicos de estresse, ansiedade e depressão.

“Vivemos momentos de stress, correria, rotina, compromissos, responsabilidades e, ainda, pandemia. Por isso, momentos de lazer e contato com a natureza são ótimos recursos para aumentar bem-estar, relaxamento, conexão e recarregar nossas energias”, comenta Ana Paula Zanardi, psicóloga credenciada da Paraná Clínicas. Isso significa que ter um espaço para o autocuidado é importante para manter a saúde mental em dia.

2. Motiva a prática de exercícios físicos

Morar perto de áreas verdes também pode motivar a pratica de exercícios físicos. Aliás, quando realizada em contato direto com a natureza, ela recebe a denominação especial de “exercício verde”. É válido destacar que, além de melhorar o bem-estar mental e os marcadores de saúde, ter uma atividade regular atua na prevenção de doenças e melhora da qualidade de vida.

“Um estudo recente com praticantes de ciclismo demonstrou que um ambiente com vegetação verde reduz a taxa de esforço percebido e aumenta o humor positivo, quando comparado com exercício em ambiente fechado, melhorando as taxas de adesão”, aponta Diogo Dias, médico credenciado da Paraná Clínicas.

3. Melhora a autoestima

Segundo Diogo, estudos mostram ainda que atividade externa conduzida em um ambiente natural ou verde melhoram a autoestima e as escalas de humor negativo, como tensão e raiva. “Morar perto de áreas verdes pode ainda estimula interação social, lazer, leitura, relaxamento ou meditação. Tudo isso influencia diretamente na qualidade de vida e saúde, por fornecer um ambiente com característica restauradora”, conclui.

Quer fazer trabalho voluntário? Clique aqui e encontre um com a sua cara

© 2021 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir