Categorias

Grasshopper: app do Google ensina programação de maneira fácil e gratuita

Da Redação
9 de Junho de 2021


Crédito: Photo by Florian Olivo on Unsplash
Grasshopper: app do Google ensina programação de maneira fácil e gratuita

A partir de hoje (9/6), o Grasshopper, aplicativo gratuito desenvolvido pelo Google com o objetivo de ensinar programação para iniciantes, está disponível em português. O software compartilha informações sobre o tema por meio de jogos e lições interativas de JavaScript, a linguagem utilizada por mais de 70% dos programadores.

Leia mais: Pandemia: saiba como preservar sua saúde física e mental
Aplicativo ajuda crianças a lidar com o câncer por meio de minigames

Grasshopper: conheça o app que ensina programação

Criado por uma equipe de programadores do Google em sua incubadora para produtos experimentais, a Area 120, o Grasshopper tem como missão remover as barreiras que limitam o acesso à educação e preparar adultos e jovens para carreiras que utilizam a programação. O aplicativo faz parte da iniciativa Cresça com o Google, que reúne uma série de projetos para o desenvolvimento de pessoas e negócios.

O aplicativo oferece um ambiente de aprendizagem centrado em quem está começando (ou quer começar) a entender mais sobre o mundo da programação. Por meio de uma metodologia interativa, ele traz quebra-cabeças visuais que abordam conceitos de codificação, como funções, loops e variáveis. A plataforma permite aprender técnicas para criar animações, resolver problemas utilizando códigos e até construir um site com HTML e CSS.

Desde o lançamento do Grasshopper, em 2018, um milhão de pessoas passaram pelo menos uma hora aprendendo a codificar por meio do aplicativo. Estudos acadêmicos sobre sua eficácia mostraram que, após duas semanas de uso, os alunos ficam mais motivados para aprender a programar.

Mulheres na área de tecnologia

A inclusão das mulheres no setor é um dos objetivos do app, cujo nome é uma homenagem a Grace Hopper, uma das pioneiras na programação de computadores. Vale a pena destacar que, na última década, o número de funcionárias do ramo de TI dobrou no Brasil. Mesmo com o aumento, elas ainda representam menos de um quarto do total de trabalhadores da área, segundo estudo da Softex (Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro), com dados do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC).

© 2021 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir