Falta de estrutura é a principal dificuldade para prevenção ao coronavírus nas periferias

Da Redação
30 de Julho de 2020


Crédito: Pixabay

Segundo as organizações da sociedade civil (OSCs), que atuam diretamente junto às periferias durante a pandemia da covid-19, as dificuldades de prevenção e combate ao coronavírus estão relacionadas à falta de estrutura na saúde, pouco acesso a itens de higiene e, principalmente nas grandes cidades, à falta de moradias adequadas que favoreçam o isolamento social. O levantamento foi realizado pelo Itaú Social com 2.074 OSCs de todo o Brasil.

Leia mais:  
Coronavírus: saiba como doar e ajudar pessoas sem sair de casa
Pessoas colorem janelas com arco-íris em sinal de esperança; veja fotos

Dificuldades para prevenção ao coronavírus

Entre as organizações que atuam em cidades com mais de 200 mil habitantes, 63% consideram a falta de estrutura nas moradias um problema de gravidade muito alta. Já nas cidades de menor porte, 49% afirmam que a falta de estrutura dos equipamentos de saúde para diagnóstico e cuidados é o principal problema. Em 56% das organizações das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, é a falta de acesso a itens de higiene adequados.

A análise dos dados considerou as respostas das OSCs durante a inscrição para a edição emergencial do programa Comunidade, Presente!, do Itaú Social. Esta é uma das ações de fomento que estão sendo realizadas pela fundação para amenizar os impactos da covid-19, com a doação de recursos para a distribuição de kits de alimentos e gás de cozinha.

Entre os mais de dois mil respondentes, estão representantes de instituições do Sudeste (44%), Nordeste (36%), Sul (12%), Norte (4%) e Centro-Oeste (4%). No total, as organizações declararam atender 3,9 milhões de pessoas, entre crianças, jovens e adultos.

Ações durante a crise

De acordo com o levantamento, 81% das instituições se mobilizaram para disseminar informações sobre a prevenção do vírus, 68% distribuir alimentos e 62% enviar sugestões de atividades pedagógicas ou lúdicas para crianças e famílias realizarem em suas casas. Além disso, 58% também fazem o acompanhamento aos serviços de assistência social e saúde.

Entre as organizações de maior porte, com mais de 200 beneficiários, 39% afirmam promover ações de fortalecimentos de outras iniciativas e coletivos do mesmo território. A maioria das OSCs (71%), tanto as pequenas quanto as maiores, reportou que mantém o atendimento remoto no online, pelo telefone, ou nas redes sociais.

Em geral, as organizações apontaram que as consequências econômicas são os maiores riscos da crise, já que consideram que o empobrecimento, aumento da fome (85%), desemprego (81%) e falência dos pequenos comércios/empreendedores (67%) são as principais preocupações para as famílias atendidas.

As organizações indicaram ainda o risco que a falta de trabalho e renda podem gerar como aumento da violência (33%), defasagem em educação (21%), problemas de saúde (17%), entre outros impactos negativos da crise nas comunidades periféricas.

Álbum: 100 coisas legais para fazer durante a quarentena

A pandemia do novo coronavírus fez com que as pessoas passassem mais tempo dentro de casa. Por conta disso, elas têm buscado novas atividades para praticar. Para ajudar a animar a quarentena, o Busca Voluntária reuniu 100 sugestões para se divertir sem sair de casa. Confira na galeria.

  • Fazer Yoga
  • Assistir documentários nos serviços de streaming
  • Fazer uma playlist nova
  • Escutar novas músicas e adicioná-las à sua playlist
  • Aprender um novo instrumento musical
  • Reler o seu livro favorito ou se aventurar por um novo gênero
  • Organizar suas prateleiras
  • Separar livros para doar
  • Trocar os móveis de lugar
  • Fazer uma colagem de fotos
  • Aprender crochê
  • Fazer velas perfumadas
  • Se tornar um voluntário - é possível encontrar vagas online no Busca Voluntária!
  • Fazer artesanato
  • Aprender a tricotar e fazer alguma peça de roupa
  • Aprender a fazer dobraduras
  • Jogar jogos de tabuleiro
  • Ler quadrinhos antigos
  • Fazer uma horta
  • Tomar sol
  • Redecorar sua casa ou seu quarto
  • Rever fotos antigas
  • Escutar audiobooks
  • Preparar um drink diferente
  • Criar uma rotina de cuidados com a pele
  • Aprender a costurar
  • Fazer uma doação para ajudar no combate da pandemia
  • Brincar com seu pet
  • Escutar a discografia inteira da sua banda ou do seu cantor favorito
  • Fazer um quadro de fotos
  • Se exercitar
  • Fazer sudoku
  • Assistir seu filme favorito novamente
  • Fazer um faxinão em casa
  • Assistir filmes clássicos
  • Maratonar a sua série favorita
  • Concluir um cubo mágico
  • Meditar
  • Cozinhar
  • Customizar roupas antigas
  • Decorar as capitais dos estados brasileiros
  • Jogar baralho com seus parceiros de quarentena
  • Fazer uma videoconferência com seus amigos
  • Montar quebra-cabeça
  • Assistir partidas clássicas do seu esporte favorito
  • Fazer cursos online
  • Fazer um ensaio fotográfico em casa
  • Lavar seus pincéis de maquiagem
  • Ensinar um truque para o seu pet
  • Jogar paciência
  • Jogar videogame
  • Pular corda
  • Fazer uma hidratação nos cabelos
  • Aprender uma dança ou passos novos
  • Ligar para seus parentes e amigos distantes
  • Fazer palavras cruzadas
  • Separar roupas para a doação
  • Conhecer museus virtualmente
  • Desinstalar apps que não são utilizados
  • Assistir lives no Youtube
  • Fazer Origami
  • Jogar jogos antigos
  • Assistir lives no Twitch
  • Aprender um novo idioma
  • Aprender a fazer ponto-cruz
  • Organizar as pastas do seu computador
  • Começar um diário
  • Ouvir podcasts
  • Organizar seu guarda-roupa
  • Aprender uma receita nova
  • Cantar karaokê
  • Escutar sua música favorita em loop
  • Fazer pinturas
  • Ver shows antigos dos seus artistas favoritos
  • Montar peças de LEGO
  • Fazer reciclagem
  • Criar uma conta em uma nova rede social
  • Conversar com seus vizinhos pela janela
  • Fazer um detox das redes sociais
  • Recriar fotos antigas
  • Aprender a usar um bambolê
  • Assistir curtas animados
  • Abrir o dicionário e conhecer uma palavra nova por dia
  • Aprender a fazer cerâmica
  • Conversar com seus avós e parentes para saber como eles se conhecerão (e outras histórias do passado)
  • Aprender sobre a história de alguma civilização antiga
  • Começar seu próprio podcast
  • Ler cadernos de quando você era criança
  • Ajeitar seu currículo ou portfólio
  • Aprender e jogar Xadrez
  • Montar e provar roupas que você pretende usar quando tudo isso acabar
  • Fazer as unhas
  • Provar todos os chás que você tiver em casa (e acabar com seu estoque)
  • Escrever cartas para amigos, amores ou para você do futuro
  • Salvar diversas inspirações no Pinterest
  • Fazer um dia de Spa em casa
  • Fazer um brunch digno de restaurante 5 estrelas
  • Cozinhar seu prato predileto
  • Preparar o roteiro para sua próxima viagem
  • Fazer seu mapa astral

 

© 2017 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir