Categorias

Estudantes criam app que ajuda no descarte correto de lixo eletrônico

Marcella Blass
2 de Março de 2021


Crédito: John Cameron on Unsplash
false

O descarte incorreto de lixo eletrônico é um dos grandes problemas ambientais da atualidade. Mesmo assim, ainda não há muito trabalho de informação e educação da sociedade a respeito do descarte, coleta e reciclagem desses resíduos. De acordo com o relatório Global E-Waste Monitor 2020, só no ano passado, foram geradas mais de 2 milhões de toneladas desse lixo no Brasil.

Leia mais: 
Vida sustentável: 30 perfis no Instagram para se inspirar
Fotógrafo realiza ensaio sobre poluição das águas, para conscientizar as pessoas

Conscientes deste cenário, estudantes do curo Técnico Integrado ao Médio de Informática (Etim) da Escola Técnica Estadual (Etec) Raposo Tavares, em São Paulo (SP), desenvolveram o aplicativo E-Trash. O objetivo da aplicação é ajudar a reduzir o volume de lixo eletrônico descartado incorretamente e o impacto de seu acúmulo no meio ambiente.

Na prática, o aplicativo funciona em três núcleos. No primeiro, ele permite que empresas e instituições que trabalham com a coleta de eletrônicos façam um cadastro para receber celulares, tablets, computadores e notebooks. No segundo, oferece um serviço de procura de pontos de coleta com base em inteligência artificial e na geolocalização do usuário. No terceiro, facilita o agendamento da retirada dos dispositivos nesses pontos.

A plataforma foi idealizada no Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de Danillo Santiago, Guilherme Vieira, Julia Ribeiro, Kaique Ryan e Matias Castro. Com grande potencial para aprimorar o processo de coleta, descarte e reciclagem de lixo eletrônico, o E-Trash teve seu valor reconhecido ao levar o prêmio de segundo lugar no 3º Hackaton Acadêmico do Centro Paula de Souza.

Conheça mais sobre o E-Trash, seu desenvolvimento e suas funcionalidades no vídeo abaixo:

© 2021 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir