Entre Rios: documentário mostra como São Paulo poderia ter sido

Beatriz Ceschim
26 de Março de 2019


Crédito: Photo credit: Gordon-Shukwit on Visual hunt / CC BY-NC-ND

O documentário “Entre Rios” relata as mudanças realizadas na capital paulista desde o seu surgimento. De acordo com o filme, as transformações estão diretamente ligadas à expansão e à urbanização de São Paulo.

O vídeo começa pela história da povoação da Vila de São Paulo de Piratininga. A região foi escolhida pelos índios, por estar localizada entre dois rios, o Rio Piratininga, atual Rio Tamanduateí, e o Rio Anhangabaú.

Leia mais: Twitter: algoritmo detecta sinais de depressão na rede social e indica ajuda
Dois pacientes com HIV são curados por transplante de células-tronco

Depois de 300 anos da fundação da vila, há a chegada dos trens no município. As ferrovias surgem para ajudar na comercialização dos produtos entre o litoral e o interior. Após a implementação da malha ferroviária, mais pessoas migraram para a cidade. Em decorrência disso, criaram uma rede de distribuição de água encanada. 

O crescimento populacional gerou um grave problema de esgoto. Como esses sedimentos eram despejados nos rios, o odor começou a incomodar os habitantes. Por isso, houve a canalização dos rios. A região dos rios Tamanduateí e Anhangabaú viraram parques. E os rios Tietê e Pinheiros foram limitados a um pequeno espaço, comparado com seu tamanho original.

A obra ainda conta como os investimentos do setor público são mais direcionado à área privada e individual. Ao invés de construir mais linhas de metrô ou aumentar a frota de ônibus, o dinheiro é usado para a melhora das rodovias.

A produção foi feita em 2009, como projeto de conclusão de curso dos alunos Caio Silva Ferraz, Luana de Abreu e Joana Scarpelini do curso de Bacharel em Audiovisual pelo SENAC-SP.  Assista a obra seguir.

© 2017 Todos os direitos reservados - Busca Voluntária - website by: plyn!

Subir